Hospital da Mulher inicia mutirão de inserção de DIU e exames de mamografia

As pacientes não precisam realizar uma marcação prévia para participarem do mutirão

Em alusão ao “Outubro Rosa”, mês de conscientização sobre a prevenção do câncer de mama, o Hospital da Mulher do Recife, localizado no Curado, iniciou, nesta segunda-feira (4), o mutirão de inserção de DIU (dispositivo intrauterino) de cobre e exames de mamografia para todas as mulheres que tenham o cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) do município.

Os exames de mamografia são realizados a partir das 08h, de segunda a sexta-feira e a implantação do DIU a partir das 10h, nas segundas. Como o atendimento é por ordem de chegada e as vagas limitadas, recomenda-se a chegada por volta das 07h.

Ação importante

“O Outubro Rosa é um mês bem significativo e o Hospital da Mulher do Recife cuida para que haja uma oferta maior desses exames e das ações de saúde que fazemos aqui. É o mês da gente cuidar da cuidar da mulher, da sua saúde reprodutiva, do seu direito a sua autonomia e a sua liberdade de escolher e poder ter acesso ao método contraceptivo que assim ela desejar. A gente também está oferecendo um lanche de manhã quando ela chega para fazer e a tarde também, assim que ela chega”, afirmou a diretora geral do Hospital da Mulher do Recife, Isabela Coutinho.

Além do mutirão, o hospital está oferecendo ações de valorização da autoestima feminina e palestras sobre cuidados à saúde.

“Estamos oferecendo ações de promoção de cuidados, oferecendo corte de cabelo e designer de sobrancelha e também palestras na recepção enquanto elas estão esperando sua consulta ou seu exame. As palestras são relacionadas a cuidados com a saúde, como a questão da amamentação, prevenção do câncer de mama, o papel da dieta numa promoção de uma vida saudável, entre outras, como empoderamento da mulher”, complementou

DIU de cobre

Com durabilidade de 10 anos, o DIU de cobre é um pequeno objeto de plástico que é inserido no útero para atuar como método contraceptivo. No mutirão, não é necessário agendamento e toda mulher que more no Recife pode realizar a inserção do DIU.

“A paciente pode vir e não temos limite de idade, se iniciou a vida sexual, ela já pode inserir o DIU. Quando for menor de idade, a gente só pede que venha com o responsável legal para a inserção. A paciente quando vem faz um teste rápido de gravidez e após o procedimento, insere o DIU. Após isso, marcamos um exame ginecológico como revisão em 30 dias. Com a alta procura do método contraceptivo, a gente viu essa necessidade de ofertar no mutirão”, afirmou a supervisora ambulatorial do Hospital da Mulher do Recife, Silvia Cristina Holanda.

A atendente de telemarketing Sabryna Gomes, de 21 anos, soube do mutirão através de uma amiga e optou em colocar o DIU por não desejar engravidar no momento.

“A minha amiga já tinha mais interesse do que eu e acabou comentando comigo e como a duração é maior, de 10 anos, eu me interessei, porque não tenho interesse em engravidar nem tão cedo. Se eu quiser ter filhos, é só retirar, sem problemas. Quando a gente chegou, teve uma palestra que serviu como um suporte para quem não entendia bem sobre o assunto. Eu acho legal essa iniciativa, porque muita gente não tem conhecimento que o SUS dá essa facilidade e é algo gratuito”, pontuou Sabryna.

Importância da mamografia

A aposentada Eliane Justina Santos, de 53 anos, realizou o exame de mamografia por acaso, após ver o anúncio do mutirão no hospital.

“Eu vim fazer um raio X no joelho e vi a placa lá fora sobre o mutirão, e pensei já que estou aqui, vou aproveitar para fazer o exame de mama. Uma ação como essa evita pegar certos tipos de doenças. Tem gente da minha família que faleceu por conta do câncer de mama. Temos que cuidar da saúde para nos preservar. Cheguei, dei meu documento, a moça preencheu e fiz o exame, sem precisar de agendamento. Estou muito feliz de ter conseguido fazer esse exame tão importante, porque por fora a gente vê tudo, mas por dentro a gente não consegue ver nada. Para ter a certeza de que estamos saudáveis, precisamos fazer esse exame”, destacou a aposentada.

Eliane Justina Santos fez o exame de mamografia ao ver o anúncio do mutirão. Foto: Melissa Fernandes/ Folha de Pernambuco 

Após a realização da mamografia, as pacientes recebem, de brinde, uma máscara e um chocolate com um papel sobre o a campanha do “Outubro Rosa”, como forma de lembrar que daqui há um ano, é necessário realizar o exame novamente.

O Hospital da Mulher do Recife fica localizado na Rodovia BR-101, sem número, no bairro do Curado, no Recife.

Fonte: Folha de Pernambuco.