imagem do braço de uma pessoa enquanto doa sangue

Se doar sangue ainda gera alguma insegurança, este post é para você! Além de ser indolor, rápido e fácil, a ação salva vidas — e não afeta em nada a sua. Abaixo, veja o que você precisa saber antes de doar sangue, e por que não deve ter medo.

1. Você sabia que só 7% da população é doadora universal?

Ser doador universal significa que todos os outros tipos sanguíneos podem receber o seu. Para lembrar, os tipos são:

A+, A-, B+, B-, AB+, AB- O+ e O-

O último dessa lista acima, o O-, é o doador universal. Por isso, ele é o sangue mais usado em hospitais pelo Brasil, principalmente em casos de emergência. Ou seja, é o tipo sanguíneo que precisa estar em estoque. Se é o seu, você precisa doar!

2. Até quatro pessoas podem utilizar sua doação

Imagina poder ajudar quatro pessoas diferentes com uma atitude tão simples? Sim, até quatro vidas são impactadas com cada 450ml de sangue doados.

Como explicamos neste outro post, depois da doação, o sangue é separado entre plaquetas, hemácias e plasma, o que permite que diferentes pessoas recebam exatamente o que precisam para seus tratamentos.

3. Intervalo entre doações

Agora que você já é doador precisa saber sobre o intervalo de tempo entre as doações! É possível doar sangue até quatro vezes ao ano, dependendo se você é homem ou mulher, e plaquetas até quatro vezes por mês!

  • Homens: Intervalo de 60 dias entre doações
  • Mulheres: Intervalo de 90 dias entre doações
  • Doação de plaquetas: 30 dias após doação de sangue – e até quatro vezes ao mês, no máximo 24 vezes ao ano.

4. Não há riscos à sua saúde como doador

Não há risco algum à sua saúde ao doar sangue. Não existe possibilidade de contágio por nenhuma doença (todos os materiais são esterilizados e descartáveis), e a doação em si não debilita o corpo de nenhuma forma.

Dentro de 24 horas, inclusive, o corpo já repõe a quantidade de sangue doada. Ou seja, não há razão para não doar!

5. Condições de saúde

Pessoas saudáveis entre 16 e 69 anos podem doar. Grávidas e puérperas, assim como pessoas abaixo de 50kg ou em tratamento para doenças, no entanto, não são autorizadas.

De contrário, basta se alimentar bem, não ingerir álcool 12 horas antes da doação e dormir pelo menos seis horas na noite anterior e você pode doar. Seja um doador da Campanha Sangue Fraterno!