Programa vai apoiar jovens com negócios sustentáveis na Amazônia

O Programa Amazônia 360º, uma parceria entre Itaú Unibanco e Centro de Empreendedorismo da Amazônia. Inscrições já estão abertas

O Itaú Unibanco, em parceria com o Centro de Empreendedorismo da Amazônia, acaba de lançar o Programa Amazônia 360º, que vai apoiar jovens empreendedores com negócios sustentáveis na Amazônia por meio de dinâmicas, oficinas e simulações de empreendedorismo.

A ideia é selecionar 1.200 jovens de 18 a 29 anos residentes das regiões metropolitanas de Belém (PA) e Manaus (AM), e das cidades de Macapá (AP) e Porto Velho (RO). O programa Amazônia 360º terá um ano de duração, sendo dividido em três etapas: capacitação, simulação e desenvolvimento de produtos verdes para o mercado.

A primeira etapa será realizada por meio de oficinas virtuais a fim de esclarecer pontos sobre a economia da Amazônia, empreendedorismo sustentável, ferramentas e oportunidades. Ao todo, serão dez horas de oficinas somente na primeira etapa.

Já no segundo momento, será oferecida uma ‘Oficina Pré-Aceleração’, com exercícios sobre modelagem de negócios e validação de protótipo. Por fim, como etapa de conclusão, serão feitas demonstrações de viabilidade de implementação e reconhecimento dos projetos que mais avançaram no período.

“O futuro da Amazônia dependerá do desenvolvimento de uma economia de baixo carbono que seja compatível com a floresta e seus serviços ambientais ecossistêmicos. Com um bônus demográfico importante na região, a juventude da Amazônia deve ser fortalecida para que assumam o papel de protagonistas nessa mudança de conceito e padrão para um futuro promissor”, afirma Raphael Medeiros, diretor-executivo do Centro de Empreendedorismo da Amazônia.

Para se inscrever, basta acessar o site do Amazônia 360º.

Fonte: Observatório Terceiro Setor.