Dia do Marista – Drive Solidário arrecada mais de 6 toneladas de alimentos para o SOS Vila Torres

Campanha realizada na última semana mobilizou população em prol do bem

Mais de 6 toneladas de alimentos e mais de 1.730 itens de higiene pessoal e produtos de limpeza. Esses são os números referentes ao Drive Solidário realizado no dia 14 de agosto, no estacionamento do Câmpus Curitiba da PUCPR.

A ação foi organizada  pela PMBCS e pelo Grupo Marista com o intuito de celebrar o Dia do Marista junto à comunidade. E, sobretudo, para ser um novo impulso para o projeto SOS Vila Torres, que tem sido um farol de esperança para moradores do bairro e também para outras comunidades de Curitiba. Atualmente, lares do Assentamento Nova Guaporé, Caximba, Parolin e Portelinha também recebem apoio.

A expectativa era poder ajudar mais de 3 mil famílias impactadas pelas dificuldades trazidas pela pandemia da Covid-19.

Para além dos números

Sem dúvida, se olharmos somente para os dados do Drive Solidário, os números já são impressionantes por si só. Considerando apenas as cestas básicas completas, por exemplo, foram 280 doações.

No entanto, o mais importante é aquilo que não se pode contabilizar, mas se pode sentir. O fortalecimento da solidariedade. A união gerada pela vontade de ser presença significativa.

Tudo isso requer um agradecimento especial a todos que participaram. E que transformaram amor ao próximo em gestos concretos.

Solidariedade como exemplo de amor

Isabel Roque foi uma das voluntárias que colaborou no recebimento e na organização das doações durante o Drive Solidário. Ela atua na Paróquia Universitária Jesus Mestre, na PUCPR.

“O voluntariado é um gesto de amor com você e para você. Pode parecer estranho à primeira vista, mas não é. Sabe por quê? Porque o maior beneficiado é o voluntário. Quem está recebendo nossa ação, nosso gesto, está aberto ao receber e, muitas vezes, até necessitado. E nós, envoltos em atender ao próximo, esquecemos de nossas necessidades,  faltas, preocupações. E isso é o significado do voluntariado para nós. Só o próximo consegue prover isso, nos completar sem nada faltar e ainda termos o que doar”, relata Isabel. Além disso, a voluntária levou sua filha Giovanna para ajudar. “Quanto a envolver minha filha nessa ação, é para que entenda e coloque em prática essa doação que só nos faz florescer”, comenta.

Exemplos assim certamente nos inspiram e nos fazem acreditar em um mundo mais solidário. E que, juntos, podemos ser farol de esperança em meio às dificuldades atuais.

Ações solidárias continuam em cinco estados

Temos muito a agradecer e celebrar com esses primeiros resultados. Mas a corrente de solidariedade ainda não acabou!

Desde o dia 16 e até o dia 27 de agosto, as 38 unidades da Educação Básica da PMBCS seguem recebendo doações de alimentos e produtos de higiene. São 40 pontos de coleta, distribuídos em 24 cidades.

A saber, esses donativos vão beneficiar famílias em situação de vulnerabilidade cujos filhos são atendidos por unidades do Marista Escolas Sociais.

Confira aqui no site Solidariedade que Aquece as cidades participantes e os locais de coleta para ajudar.

Fonte: PMBCS.